Álcool e saúde bucal: quais são os problemas gerados pelo excesso das bebidas?




A combinação entre álcool e saúde bucal pode não ser uma boa ideia caso você pretenda deixar os seus dentes saudáveis e bonitos todos os dias.


Neste artigo, vamos enumerar quais são as consequências negativas que o excesso de álcool pode trazer para a sua saúde bucal. Você sabia que ele causa mau hálito, manchas nos dentes e cárie?


Se você não quer passar por esses problemas, continue lendo este artigo.


Vamos mostrar os efeitos e o que fazer para evitá-los.


Álcool e saúde bucal: quais são as consequências negativas?

A partir de agora, vamos conhecer quais são os problemas que o consumo de álcool pode trazer para a nossa saúde. 


Desmineralização dos dentes

Grande parte das bebidas alcoólicas é bastante ácida. O consumo de uma cerveja debilita o esmalte e a estrutura dos dentes. Diante desse cenário, a camada protetora de cálcio, que está situada na superfície dentária, se dissolve naturalmente. 


Uma boa dica é colocar cubos de gelo nas bebidas. Em um primeiro momento, isso pode parecer estranho, no entanto, reduz o ácido provocado pelo álcool.


Outra dica interessante é enxaguar a boca com água depois de consumir bebida alcoólica. 


Mau hálito 

O mau hálito é um dos vilões das pessoas que se preocupam com a saúde bucal. Porém, se você gosta de sair com os amigos e beber uma cerveja gelada, fique atento: o álcool tem o poder de desidratar a sua boca, diminuindo o fluxo de saliva. 


Existem algumas dicas para lidar com esse problema. Você pode, por exemplo, misturar o consumo de drinques com água. 


Os chicletes sem açúcar são considerados uma ótima alternativa no combate ao mau hálito, uma vez que eles umedecem a boca e ajudam a estimular a produção de saliva.

 

Após o momento de diversão, você pode continuar bebendo água para deixar a sua boca mais hidratada. 


Manchas nos dentes 

O vinho e o café são duas bebidas inimigas dos dentes. Isso porque causam duas consequências negativas para a sua saúde bucal: escurecimento dos dentes e desgaste do esmalte.


As manchas são simples de resolver. Basta fazer a escovação dos dentes corretamente. No entanto, é importante deixar claro que ela não pode ser excessiva. Caso contrário, removerá também o esmalte dos dentes. 


Os dentes com excesso de manchas devem ser analisados por um especialista no assunto. O dentista pode indicar um clareamento dental


Cárie 

Os drinks que contêm muito açúcar podem trazer sérios problemas para a nossa saúde bucal. Portanto, evite bebidas, como batidas com leite condensado, licores e caipirinhas. 


A nossa boca tem uma bactéria que tem como o seu principal alimento o açúcar. Ela libera um ácido que potencializa o desenvolvimento da cárie dentária. 


Uma boa alternativa para uma noite com amigos é tomar um delicioso drinque cremoso e coquetéis à base de vodca e sem gás. E nos casos de bebidas com açúcar ou leite condensado, não ir dormir sem fazer a higiene dos dentes com fio dental e uma boa escovação.


Câncer de boca 

O álcool aumenta as chances de um paciente ter câncer de boca. Ele afeta diretamente as células que estão no interior da boca, especialmente as células relacionadas a gengivas e bochechas. 

Estudos mostram que consumir bebidas alcoólicas aumenta o risco de desenvolver diferentes tipos de câncer como boca, faringe, laringeesôfagoestômagofígadointestino.


O paciente deve procurar os melhores especialistas do mercado para ajudá-lo a resolver esses problemas causados pelo álcool. Além disso, tente diminuir o consumo de bebida alcoólica. Lembre-se: o excesso pode prejudicar a qualidade do seu sorriso. 


Agora que você já sabe qual é a relação entre álcool e saúde bucal, que tal compartilhar este conteúdo nas redes sociais para que outras pessoas entendam o perigo dessa combinação?

MARQUE SUA AVALIAÇÃO AGORA

VITÓRIA

SERRA

Ligue para o IOS!

Quer dicas da Dra. Marlei para manter sua saúde em dia? Assine nossa newsletter:

  • Ícone do Facebook Branco
  • Ícone do Instagram Branco