• Ícone do Facebook Branco
  • Ícone do Instagram Branco

Entenda como acontece o tratamento para bruxismo


O hábito de ranger e apertar os dentes causa muitos problemas para a saúde bucal, principalmente em longo prazo. Felizmente, existe tratamento para bruxismo, o que ajuda a evitar complicações. Para quem não sabe, esse distúrbio é caracterizado por uma atividade parafuncional que inclui ranger, apertar e esfregar os dentes uns contra os outros.

Podemos sofrer com o problema tanto à noite — durante o sono — quanto no decorrer do dia. Caso o bruxismo não seja tratado de forma correta, ele provoca desgaste dental, mobilidade dos dentes, problemas nas gengivas e, até mesmo, perda dentária.

Neste post, vamos explicar quais são os sintomas do bruxismo e as opções de tratamento para esse distúrbio. Vamos lá?


Conheça os sintomas do bruxismo

Para muitos pacientes, o bruxismo é um ato inconsciente. Por isso, nem sempre é fácil identificar a disfunção. Mas , quem sofre com o problema costuma apresentar sintomas como dores de cabeça, na nuca, nos ombros, nos músculos da face e na mandíbula.

A dificuldade para mastigar e ouvir estalos ao abrir a boca também são sintomas comuns do bruxismo.


Entenda as causas do problema

O bruxismo é causado por uma série de fatores, inclusive emocionais. O estresse é um dos principais responsáveis pelo problema. Outras razões para o desenvolvimento do bruxismo são mágoa, tensão, ansiedade e medo. O desalinhamento dentário também contribui para o aparecimento da disfunção.


Saiba quais são as opções de tratamento para bruxismo

Dependendo da causa do problema, o tratamento para bruxismo pode envolver diversos profissionais. Se a disfunção é causada por desalinhamento dentário, o aparelho ortodôntico deve ser utilizado para diminuir os sintomas e proporcionar mais qualidade de vida ao paciente.

Veja a seguir, outras terapias para resolver o problema.


Aplicação de botox

A toxina botulínica tem sido uma grande aliada no tratamento para bruxismo. Aplicada na região da maxila, a substância provoca um relaxamento nos músculos, impedindo que o paciente aperte os dentes. O botox não oferece uma cura definitiva, mas serve para amenizar os prejuízos causados pelo distúrbio. Porém, lembre -se que o tratamento ideal é a aplicação do botox associada á uso da placa miorrelaxante.


Os efeitos da substância duram entre quatro e seis meses e, depois desse período, o paciente precisa fazer nova aplicação.


Uso de placas de silicone ou acrílico


Nesse caso, são confeccionadas placas de silicone ou acrílico, de acordo com a arcada dentária do paciente. O objetivo do tratamento é proteger os dentes, aliviar o sistema mastigatório e diminuir a tensão causada pelo apertamento dos dentes.


Essas placas chamadas de miorrelaxantes protegem os dentes durante o sono, mas sofrem desgastes devido ao uso também, sendo necessárias manutenções de 6/6 meses para avaliação e ajustes dessas placas.


Tratamentos alternativos

Terapia, atividade física, ioga, massagens, meditação e acupuntura são outras opções de tratamento para bruxismo. Essas atividades têm o objetivo de reduzir o estresse e outros problemas emocionais, o que ajuda a manter a condição sob controle. Dependendo do caso, o uso de medicamentos também é indicado.


Veja a importância de procurar tratamento adequado


Ainda não há uma cura definitiva para o bruxismo. Por isso, quem sofre com o problema deve ter o acompanhamento de um profissional especializado, considerando todos os transtornos envolvidos.


Então, fazer o devido acompanhamento não garante apenas a integridade dos dentes, mas qualidade de vida ao paciente, pois o tratamento para bruxismo combate as dores causadas por essa disfunção.


Gostou do post e tem interesse em ler outros conteúdos interessantes sobre bruxismo e outros problemas de saúde bucal? Assine nossa newsletter que enviaremos conteúdos diretamente em seu e-mail.

MARQUE SUA AVALIAÇÃO AGORA

Ligue para o IOS!